você diz pra eu ir depressa
que logo estará lá
onde você me leva
nem deus andará

põe a faca no chão
juro que não vou te machucar

a esperança dos dias cresceu com a dor
de esperar por você, de bolar a flor
entre os olhos do meu mais puro amor
seja o que isso for

de manhã eu saí e a rua me levou
parecia esperar também por você
e eu de roupa emprestada, toquei minha alma
e fui te encontrar

e como estaria a cor da sua pele?
e como estaria seu rosto e voce?
quem eu seria?
o que eu falaria?

você diz pra eu ir depressa
que logo estará la
onde você me leva
nem deus andará

põe a faca no chão
e me dá a mão

ainda não é a hora disso
ainda não é a hora disso
ainda não é a hora de voltar

tanto fantasma na nossa vida

querida,
não vou voltar
se eu me apaixonar
partida,
a alma seguirá
num triste beijo roubado
enquanto você dormia
minha mente já está lá
e pro corpo só falta um dia
eu vou me despedir
pensando o que eu vivi
o que eu não vivi..
eu to indo ver.

e voce diz pra eu ir depressa
que logo estará lá
onde voce me leva
nem deus andará
põe a faca no chão
põe a faca no chão